Páginas

Ocorreu um erro neste gadget

quinta-feira, 28 de julho de 2011

Dicas para manter a qualidade dos seus cabelos.

Os cabelos compreendem parte significativa na composição da beleza. Muitos o chamam de moldura do rosto e por isso ele precisa ser bem tratado. Cada tipo pede um procedimento específico de cuidados para que o indivíduo apresente uma aparência saudável e bonita. Mas os costumes difundidos pelo senso comum, algumas vezes equivocados, acabam colocando o potencial de beleza dos cabelos em xeque.

Para resolver as principais dúvidas sobre a boa conservação das madeixas, veja abaixo o que os especialistas costumam orientar:

Temperatura da água para lavagem: água fria é benéfica porque mantém a cutícula dos fios fechada, aumentando o brilho e facilitando o penteado. Um bom truque é fazer o último enxágue com água fria. Se você morre de frio, lave os cabelos com água morna. Quente nunca, ela enfraquece e resseca os fios.

Frequência de lavagens: se o seu temor é a queda dos cabelos, esqueça. É a oleosidade excessiva que favorece a queda. Lavar todo dia ajuda a remover a oleosidade. Quem faz ginástica ou sua muito pode lavar os cabelos sem medo. E também usar condicionador. Ele não prejudica os fios. Apenas, desembaraça-os.

Cortar as pontas não fortalece os fios: a crença de que tirar as pontas fortalece o cabelo é um mito bastante difundido. Normalmente, cortar as pontas melhora a aparência do cabelo, mas não lhe confere saúde. Os fios crescem da raiz em direção à ponta e não o contrário.

Uso de xampus antirresíduos: eles servem para eliminar resíduos deixados por produtos como tinturas, finalizadores, que vão se acumulando nos fios. O xampu anti-resíduo costuma ressecar o cabelo. Portanto, não deve ser usado mais do que uma vez ao mês.

Como eliminar a caspa: ela nada mais é do que descamação do couro cabeludo. E isso pode ser provocado por uma série de motivos: de estresse a disfunções hormonais. Para combater com eficiência o problema é preciso conhecer a sua origem. O melhor, portanto, é consultar um dermatologista.

Troca de xampu depois de algum tempo de uso: o senso comum diz que o cabelo se “acostuma” ao xampu e ele perde a eficácia. Isso não é verdade. O que acontece é que alguns xampus deixam mais resíduos do que outros. Resultado: o cabelo fica oleoso. Nesse caso, realmente é melhor trocar de marca. O estado dos fios também muda de acordo com as condições ambientais: poluição, qualidade da água, entre outros, e do próprio organismo. Então, aquele xampu que funcionava maravilhosamente já não confere um resultado tão bom. Mude.

Tamanho do cabelo dificulta cuidados: conforme vai ficando grande, o cabelo tende a formar pontas duplas e pede cuidados especiais na hora de pentear. Para evitar pontas duplas, é necessário apará-lo de dois em dois meses. Fios longos estão muito mais sujeitos a quebras durante escovação ou penteado. Ao desembaraçar os cabelos molhados, use um pente de dentes largos, jamais a escova

Fonte: Saúde Plena. http://www.divirta-se.uai.com.br/html/sessao_41/2011/06/03/ficha_saudeplena_dicas/id_sessao=41&id_noticia=39437/ficha_saudeplena_dicas.shtml

Nenhum comentário:

Postar um comentário